domingo, 13 de janeiro de 2013

Já achei uma flor gloriosa (autor no Guiness Book)

Já achei uma flor gloriosa,
E quem deseja a mesma terá;
A rosa de Saron preciosa
Entre mil mais beleza terá;
No vale de sombra e morte,
Nas alturas de glória e luz,
Esta rosa será a minha sorte,
Precioso p’ra mim é Jesus!
Precioso p’ra mim é Jesus!
Precioso p?a mim é Jesus!
Eu confesso na vida e na morte
Que tudo p’ra mim é Jesus!
2
Já de muitos foi achada a rosa
E provado o excelente odor
E o poder desta flor gloriosa
Que dá vida ao vil pecador.
Mui zeloso pela lei foi Saulo,
Perseguia o povo de Deus,
Mas transformado foi em um Paulo.
Pois achou ele a rosa dos céus.
3
Vai buscar a Jesus precioso,
Vai depressa, a noite já vem,
E, se perdes o amor glorioso,
Será triste pra ti o além;
Esta flor hoje é ofertada
A quem humildemente a buscar;
Será logo da terra tirada,
Para brilhar em outro lugar.




Autoria: Feliciano Amaral

Traducão de uma
melodia sueca de autor desconhecido:
Frida Vingren







Feliciano Amaral nasceu na Cidade de Miradoura no estado de Minas Gerais. Filho de Júlio Augusto do Amaral e de Palmira Maria da Conceição, foi músico, sapateiro e cantor popular. Foi batizado em 7 de março de 1943, na Igreja Batista de Muriaé. Em 1947 casou-se com Elza Rocha do Amaral.
Já na cidade do Rio de Janeiro, estudou Teologia no Seminário Teológico Betel. Pastoreou várias igrejas inclusive a Primeira Igreja Batista da Pavuna, onde foi seminarista.
Começou as atividades como cantor evangélico em 1948.
Feliciano Amaral também está no Guiness Book como o cantor evangélico que está há mais tempo em atividade no mundo. No meio evangélico, depois de Feliciano Amaral atuando como cantores vieram Luiz de Carvalho (gravando o 1º LP evangélico em 1958, intitulado "Musical Boas Novas"), Edgar Martins (in memoriam), Josué Barbosa Lira (in memóriam), autor da canção "Só o Senhor é Deus", Victorino Silva, dentre muitos outros pioneiros da música evangélica desta época.
Feliciano Amaral interpretou canções como: "Oração de Davi", "Céu aberto", "O mar", "Ao meu Redor", "O Rosto de Cristo", "Rio Profundo", "Sou Filho do Rei", "O Jardim de Oração", entre outras.
Em 2003 Feliciano Amaral recebeu um reconhecimento público, quando completou 83 anos, uma Moção de Aplausos e Congratulações da Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). A homenagem foi requisitada pelo deputado Aurélio Marques, como reconhecimento pela dedicação de Feliciano Amaral à obra de Deus e á música cristã.
Em 2007, o cantor gravou o primeiro DVD ao vivo de sua carreira em Recife, na Igreja Missionária Canaã, do pr. Geziel Gomes.

Extraído de Wikipedia

___________________________________
Links:

Ouça o hino na voz do autor:

http://www.ouvirmusica.com.br/feliciano-amaral/#mais-acessadas/63070

O mesmo hino (raridade) cantado por um dos fundadores da Assembléia de Deus no Brasil, com video do início da obra em Belém do Pará:

http://www.youtube.com/watch?v=uUerRkjC21U

2 comentários:

  1. Caro Paulo,
    Paz em Cristo,
    Informo que em alguns hinários a autoria da música deste hino é creditada a Thoro Harris.
    Na Harpa Cristã a tradução da letra, do sueco para o portugues, é que é de Frida Vingren.
    Adorei seu blog, que Deus te de forças para mantê-lo.
    Visite-me: http://hinosevangelicosinstrumentais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Frida Vingren , sueca e esposa de Gunnar Vingren co-fundador das Assembleias de Deus no Brasil.

    ResponderExcluir